Conheça nosso blog
02Set
evolução do vaso sanitário

Evolução do vaso sanitário: conheça passado e presente!

As redes de esgoto e o vaso sanitário como conhecemos hoje, há muito pouco tempo seriam considerados um pensamento utópico e inalcançável. Inclusive, em muitos locais no interior do Brasil nós ainda encontramos casas que não possuem banheiro como cômodo e fazem uso de fossas sépticas para necessidades fisiológicas. Neste artigo, trazemos a evolução do vaso sanitário até o que conhecemos hoje e uma baita surpresa tecnológica no final. Confira!

Entenda a história e a evolução do vaso sanitário

Nas cidades greco-romanas da idade média, os banheiros eram locais públicos e utilizados para confraternizar. As latrinas eram grandes bancadas de pedra, com vários buracos e, por baixo delas, passavam canais de água corrente, levando os desejos até o rio mais próximo.

No Brasil Colônia, os banheiros nem pensavam em existir. Por isso, os penicos eram comumente utilizados nas casas para que as pessoas fizessem suas necessidades. Eram feitos de barro e costumavam ficar escondidos em cantos externos da casa, para evitar o mau cheiro. Na casas mais ricas, um assento de madeira era criado para esconder o penico, criando uma imagem parecida com o formato que conhecemos hoje como um vaso sanitário.

Eram esvaziados em ruas ou praias pelos escravos, que carregavam tonéis de dejetos nas costas até o local de despejo.

Quem criou o primeiro vaso sanitário?

Acredita-se, que a evolução do vaso sanitário começou no século 16, quando John Harrington, afilhado da Rainha Elizabeth I, no ano de 1596 criou o artefato para presenteá-la.

História ao longo dos anos

Foi em 1778 que o mecânico e engenheiro Joseph Bramah criou o modelo parecido com o que conhecemos hoje. Ou seja, uma bacia sanitária com descarga, que possibilitou que os excrementos fossem liberados por sucção.

Com o passar dos anos, políticas públicas de saneamento se tornaram indispensáveis para a população, possibilitando o desenvolvimento de novas invenções complementares ao vaso sanitário, e aperfeiçoando o modelo criado no século 18.

A evolução continua!

Ao contrário do que muitos pensam, a evolução do vaso sanitário não ficou estagnada no tempo. O objeto se tornou de primeira necessidade em locais públicos e privados e propiciou uma melhora importante na salubridade e na saúde da população.

Atualmente, é possível encontrar diferentes modelos ofertados no mercado, com ou sem descarga acoplada, com tampo acolchoado ou não. Fica a critério da preferência de cada um.

Aproveitando o gancho da evolução do vaso sanitário, a Sanicom do Brasil quer te apresentar uma inovação tecnológica imperdível para sistemas de higiene em banheiros públicos, como restaurantes, empresas e shoppings.

assento sanitário automatizado como uma das evoluções do vaso sanitário

Este é o protetor de assento sanitário automatizado disponibilizado pela Sanicom do Brasil. Mas, você pode me perguntar: qual a finalidade? Garantir a segurança e higiene dos usuários. É um assento confortável, revestido de plástico virgem, impermeável e esterilizado.

Com ele, não existe mais a necessidade de revestir o assento com papel para utilizar o banheiro de forma minimamente higiênica.

Um sensor que é colocado na parede o acompanha, e é ativado com um simples passar de mãos. Ao ativá-lo, você provoca o giro do plástico, substituindo o utilizado anteriormente. Com isso, você consegue fazer uso do vaso sanitário em perfeitas condições de higiene.

Essa evolução do vaso sanitário permite limpeza, conforto e segurança nos banheiros, melhorando a qualidade de vida dos usuários. Se interessou? Peça seu orçamento agora mesmo via WhatsApp.

A Sanicom do Brasil é líder em inovações tecnológicas para ambientes comerciais. Conheça outros produtos da nossa cartela:

Compartilhe:

Posts Recentes Categorias Tags